Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2012

ESPECIAL VIAGEM AO MÉXICO!!!! (PARTE 02)

Imagem
Colegas, segue a 2ª parte das informações para quem pretende um dia conhecer o México. Aproveitem! Agora, o foco está na cidade de Puebla.

Texto:Dalton Delfini Maziero
Fotos: Dalton Delfini Maziero / Sandra Regina Orsini Maziero

PUEBLA
A cidade de Puebla possui uma arquitetura bastante peculiar, com seus casões de dois e três andares, cheios de balcões. Ó centro histórico é bem agitado, com trânsito permanente, muita gente andando e um comércio efervescente. Encontrará bons restaurantes e cafés no zócalo (praça central), e outros mais populares nos arredores.
Na Praça Central de Puebla (Zócalo), o chafaríz sai do chão, para espantar o calor. A cidade é a 4ª maior do México.

Em Puebla, você deve conhecer:
Museu da Revolução Mexicana Um interessante museu sobre a Revolução Mexicana de 1910. O acervo fica na casa da família Serdán, ferrenhos opositores do ditador Porfirio Diaz. Vale a pena ver va cozinha original da casa, a sala cravejada de balas do conflito e o vídeo animado que conta o fato…

Lambayeque: Sacerdotisa Chornancap permite rescatar la identidad

Imagem
Pocas veces se ha podido reconstruir un rostro de una gobernante mujer, reveló Haagen Klaus, antropólogo forense de la Universidad del Valle de Utah (EEUU). Fuente: RPP | Créditos: Henry Urpeque.

Lo que hasta ahora era un verdadero misterio para la arqueología peruana hoy salió a la luz, tras la presentación del rostro de la sacerdotisa de Chornancap, una gobernante de élite de la cultura Lambayeque, que fue enterrada hace ocho siglos y descubierta en abril del 2011 en el Complejo Arqueológico Chotuna Chornancapla, zona oeste de la ciudad de Lambayeque.

La presentación del rostro del importante personaje estuvo a cargo de los doctores Haagen Klaus y Daniel Fairbanks, ambos antropólogos forenses de la Universidad del Valle de Utah (EEUU), quienes durante cinco meses trabajaron intensamente para elaborar todos los rasgos faciales de la gobernante que desempeño un papel preponderante en la historia prehispánica.

Los expertos, luego del hallazgo de la tumba, recogieron parte del cráneo y rea…

Arqueólogos descobrem crânios deformados em cemitério milenar mexicano

Imagem
Uma equipa do Instituto Nacional de Antropologia e História do México (INAH) descobriram o primeiro cemitério pré-hispânico milenar em Sonora, perto da localidade de Onavas, no norte do país. Dos 25 esqueletos encontrados, 13 tinham graves deformações no crânio e cinco apresentavam a arcada dentária mutilada.

Os crânios deformados, que são alongados e com um aspecto alienígena, resultam de uma práctica comum entre os povos mesoamericanos, um ritual para diferenciar os mais poderosos da sociedade. Já as alterações dentárias serviam para marcar a passagem da infância para a adolescência, um costume observado nos povos de Nayarit, no oeste do país, entre os anos 900 e 1200.

Segundo Cristina García Moreno, investigadora da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, que lidera as escavações, essas mutilações coincidem com as descobertas em Sonora, uma vez que os cinco corpos tinham mais de 12 anos.

A maioria das ossadas encontradas é de menores de idade: 17 tinham entre 5 meses e 16 anos …

Especialização Lato Sensu - Arqueologia, História e Sociedade

Imagem
Pessoal!
Já estão abertas as inscrições para a Pós Graduação da UNISA em "ARQUEOLOGIA, HISTÓRIA E SOCIEDADE". O curso tem por finalidade, fornecer subsídios para o professor da rede pública ou privada que possibilitem, por um lado, o trabalho com a documentação arqueológica no ensino da História do Brasil, da América e da Antiguidade (no caso de professores de História) e por outro, a ampliação do processo de educação patrimonial, levando-o às escolas de Ensino Fundamental e Médio, por meio de professores bem informados e comprometidos com a preservação dos vestígios materiais de nossa Cultura. Visa, também, o aperfeiçoamento de profissionais da área de Turismo, ampliando seu conhecimento histórico e oferecendo subsídios para uma maior compreensão do significado do patrimônio histórico-arqueológico, um dos focos de seu interesse. Por último, o curso oferece para os graduados das mais diversas áreas, um conhecimento pouco abordado em nosso país, bem como a formação uma consci…
Imagem
Chile Arqueológico: 10 hallazgos fundamentales para comprender nuestro pasado – Rodrigo Riveros Strange

Si bien popularmente a veces se recurre al acervo arqueológico para reafirmar el chovinismo, los conocimientos más importantes de esta disciplina científica aún está lejos de ser conocidos por la mayoría de nuestra población. Por eso el libro del arqueólogo Rodrigo Riveros Strange, “Chile Arqueológico: 10 hallazgos fundamentales para comprender nuestro pasado”, tanto por forma y contenido, es un aporte esencial a la divulgación del patrimonio arqueológico de esta zona del mundo llamada Chile.
Decimos en forma, porque la manera de divulgar el bagaje y los avances en la materia -que suelen socializarse en instancias especializadas y en formatos académicos- es el de una historieta gráfica que, en trece capítulos, da un recorrido no lineal al norte, centro y sur, incluyendo el mundo subacuático y dando pinceladas de las técnicas de recolección de datos de un ámbito de conocimiento más o m…

Arqueólogos descobrem quatro esqueletos incas em Machu Picchu

Imagem
Três dos quatro corpos, datados de 1300 a 1500 a.C., foram descobertos numa gruta que era utilizada para rituais fúnebres do povo Inca em Salapunku. O quarto esqueleto foi encontrado noutra zona de Machu Picchu que, ao que tudo indica, pertenceria a uma tribo antiga que dominava a região, antes do povo Inca. Fonte: http://sicnoticias.sapo.pt/mundo/2012/11/22/arqueologos-descobrem-quatro-esqueletos-incas-em-machu-picchu (22/11/2012)

Encontrada tumba de rainha maia

Imagem
Esculturas feitas de pedra, na Guatemala, do rei K’ínich Bahlam (esq.), e da rainha K’abel. Francisco Castañeda. Arqueólogos encontraram na Guatemala, na América Central, a tumba de uma rainha maia do século VII. Um pequeno vaso de alabastro decorado com a imagem de uma mulher com idade avançada, com o nome da rainha inscrito em hieróglifos, foi a peça-chave para a identificação de K’abel. O túmulo com os restos mortais de um adulto foi descoberto em junho durante uma escavação no sítio arqueológico Peru-Waka, na região de Petén, no noroeste do país, pela pesquisadora americana Olivia Navarro e pela guatemalteca Griselda Pérez. Mas só em outubro, após análise de especialistas e avaliação de evidências, a descoberta foi anunciada por David Friedel, professor de antropologia da Universidade de Washington em Saint Louis, nos Estados Unidos, diretor da expedição. K’abel fazia parte de uma família real e tinha o título de “Kaloomte” (Guerreira Suprema), o que significa que ela teve maior au…

Chiapas estrena dos nuevas zonas arqueológicas

Imagem
En Chiapas se abrieron al público las zonas arqueológicas de Lagartero e Iglesia Vieja, con las inauguraciones suman ya 10 sitios abiertos en la entidad

Por Noticieros Televisa | Fuente: Noticieros Televisa

TUXTLA GUTIÉRREZ, México, nov. 30, 2012.- Con la apertura de las zonas arqueológicas Lagartero e Iglesia Vieja, en los municipios chiapanecos de Ocosingo y Tonalá. El titular de la SEP, José Ángel Córdova Villalobos, destacó que con estas dos nuevas zonas arqueológicas, se alcanza la cifra de 15 sitios de este tipo que se abren en esta administración, en comparación con los dos o tres que se han dispuesto en sexenios anteriores.

El funcionario destacó que en el caso de la Zona Arqueológica Lagartero, también representa la generación de nuevas fuentes de empleo para la localidad de la Trinitaria. Por su parte, Alfonso de Maria y Campos, titular del INAH, indicó que Lagartero es un sitio maya que ayudará a comprender de manera integral a esta antigua cultura, y "su apertura fortale…

Bolívia devolve ao Peru múmia de 700 anos

Corpo de criança mumificado havia sido roubado por traficantes

BBC
A Bolívia devolveu ao Peru uma múmia de pelo menos 700 anos de idade. Ela havia sido roubada do país por traficantes de antiguidades e foi apreendida há dois anos.

A múmia que dataria de entre 1200 e 1450 é de uma criança de cerca de dois anos e mede 30 centímetros.

Ao ser apreendida pelas autoridades bolivianas, a múmia estava em posse de uma mulher que pretendia enviá-la dentro de uma caixa para a França, onde ela seria vendida em uma casa de leilões.

Perna sobrando
Peritos dizem que a múmia é autêntica, mas afirmaram que uma de suas pernas foi acrescida mais tarde por contrabandistas, para aumentar seu valor no mercado negro.

O corpo da criança foi enrolado em cinco camadas de algodão e lã. Segundo especialistas, ela teria vivido na costa sul do Peru.

O governo peruano agradeceu o envio da múmia pelo país vizinho, mas frisou que muitas peças valiosas do país permanecem nas mãos de contrabandistas.

O ministro da Cultura…