sábado, 21 de março de 2015

Construtoras destroem pirâmide de 4 mil anos no Peru

Foto: Imagem aérea de El Paraiso, no Peru, mostra ruínas onde ficava pirâmide de seis metros de altura destruída por construtoras imobiliárias - ERNESTO BENAVIDES / AFP

Funcionários tentaram derrubar outras três construções históricas, mas foram impedidos por testemunhas

POR O GLOBO

LIMA- Um funcionário do Ministério do Patrimônio Cultural do Peru diz que duas construtoras imobiliário destruíram uma pirâmide no mais antigo sítio arqueológico do país, perto da capital, Lima.

O vice-ministro Rafael Varon diz que as empresas - identificadas como Alissolo e Provelanz - usaram equipamento pesado para derrubar uma pirâmide de seis metros de altura e 2.500 metros quadrados nas ruínas de El Paraiso, a poucos quilômetros ao norte de Lima. Varon disse nesta quarta-feira que o ministério apresentou queixa-crime contra as duas empresas por dano ao patrimônio no fim de semana.

De acordo com o governo local, El Paraiso foi construído há 4 mil anos, muito antes do surgimento da civilização Inca.

Segundo informa o jornal inglês “The Guardian”, Marco Guilen, diretor de um projeto de escavação em El Paraiso, declarou que as pessoas que derrubaram a pirâmide "cometeram um dano irreparável para uma página da história do Peru".

- Nós não vamos ser capazes de saber de que forma ela foi construída, quais os materiais que foram usados e como a sociedade no entorno daquela pirâmide vivia - disse Guilen.

Varon disse que as pessoas aparentemente contratadas pelas duas empresas para derrubar a pirâmide tentaram destruir outras três, mas foram impedidas por testemunhas.

Depois do incidente, o ministro do Interior peruano enviou a polícia para proteger as demais ruínas.

Fonte: http://oglobo.globo.com/sociedade/ciencia/construtoras-destroem-piramide-de-4-mil-anos-no-peru-8920836 (04/07/2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário