quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Descoberta de câmaras seladas pode revelar mistério de reis astecas

Foto: (Reprodução/IFL Science)

No coração da moderna Cidade do México, fica localizado um templo asteca chamado Templo Mayor, que um dia serviu como espaço sagrado para as comunidades pré-colombianas da cidade de Tenochtitlán. Com recentes descobertas de uma plataforma cerimonial e duas câmaras seladas sob o marco turístico, arqueólogos acreditam que agora terão a chance de desvendar um mistério que instiga há séculos. Porém, isso só acontecerá quando eles conseguirem abrir as catacumbas misteriosas que podem revelar dados de um dos maiores reis astecas.

Ao continuarem as pesquisas em um túnel secreto que foi descoberto em 2013, os estudiosos encontraram uma passagem que os levou a uma estrutura circular que lembrava um Cuauhxicalco (espaço ritualísticos que, de acordo com estudos anteriores, era usado para queimar corpos de líderes astecas). Isto estava acompanhado de duas portas que arqueólogos especulam levar a lugares onde os corpos eram sepultados.

Leonardo Lopez Lujan, pesquisador da expedição explicou que de acordo com o que se sabe sobre o momento de "cremação" realmente deve haver restos mortais de alguns dos líderes astecas nas salas ainda não abertas. Por sua vez, tendo em vista a idade do templo, acredita-se que os copos que deverão ser descobertos marcam uma data entre 1440 e 1469.

No entanto, eles alertam para que não haja expectativa ainda enquanto as escavações realmente não abrirem as catacumbas misteriosas, o que provavelmente não irá ser feito antes do ano que vem. Esta não é a primeira vez que a esperança de novas descobertas ao redor dos reis astecas é acesa. Todas as outras que existiram até agora acabaram em decepção. Consequentemente, as tradições funerárias dos pré-colombianos do México também continuam encobertas.

Nascido em meados do século 14 e tendo existido até 1521, o império asteca se estendia pela maior parte da Mesoamérica, tendo sido fundado em uma ilha localizada no meio do lago que hoje é a Cidade do México. No seu centro, a área foi circundada por um muro no qual se organizavam as pirâmides que serviam de santuários aos deuses da civilização. De acordo com pesquisas, cerca de 20 mil pessoas foram abatidas como forma de oferenda aos deuses nestes locais sagrados. No entanto, ainda permanece escuro como eram os finais das vidas dos líderes do império.

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/blogs/super-incr%C3%ADvel/descoberta-de-c%C3%A2maras-seladas-pode-revelar-mist%C3%A9rio-de-reis-astecas-172651790.html (03/12/2015)

Nenhum comentário:

Postar um comentário