quarta-feira, 28 de julho de 2010

Arqueólogos encontram no Peru túnel para sacrifícios humanos

Reuters/Brasil Online

Por Emily Schmall

LIMA (Reuters) - Um local cerimonial antigo, utilizado por uma civilização pré-colombiana para sacrifícios humanos, foi achado na costa nordeste do Peru, disseram arqueólogos nesta quinta-feira.

A descoberta reforçaria as teorias sobre uma cerimônia chamada "apresentação", realizada pela cultura mochica, uma civilização agrícola que existiu entre 100 a.C. e 800 d.C..

Carlos Wester La Torre, diretor do Museu Bruning no Peru e líder da escavação, disse que no local provavelmente ocorriam rituais de matança de prisioneiros de guerra. Fotos feitas ali mostram mais de 12 esqueletos no chão do túnel.

"Após a escavação de grandes unidades pôde-se documentar este grande corredor ou passagem cerimonial que permite estabelecer a presença de certas personalidades da elite mochica, e também a existência de atividades rituais muito complexas, como os sacrifícios humanos", disse Wester à Reuters.

Sua equipe descobriu um corredor de 60 metros de comprimento que leva a três pórticos equidistantes e cinco tronos na pirâmide principal do sítio arqueológico. Os restos de um mural achado dentro do corredor mostram três sacerdotes cuja ornamentação confirma a participação dos líderes políticos da cultura mochica na cerimônia, explicou.

Acredita-se que o Peru, que conta com centenas de sitos arqueológicos, inclusive a famosa cidadela inca de Machu Picchu, seja um dos primeiros lugares do planeta em que se desenvolveu a agricultura.

Fonte: http://oglobo.globo.com/mundo/mat/ (22/07/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário