Lajedo de Soledade

Foto: Rodrigo (http://www.1000dias.com/rodrigo/?p=4)

Apodi, RN

Ocorrência peculiar de
megafauna fóssil quaternária
no Nordeste do Brasil


Texto de
Kleberson de Oliveira Porpino
Valdeci dos Santos Júnior
Maria de Fátima Cavalcante Ferreira dos Santos

O LAJEDO DE SOLEDADE (município de Apodi,
Rio Grande do Norte) constitui um importante sítio
paleontológico/arqueológico da região semi-árida do
nordeste brasileiro e um monumento natural de rara
beleza cênica. Compreende um extenso pavimento
cárstico recortado por um singular sistema de ravinas,
desenvolvido sobre o mais amplo afloramento
carbonático pertencente à seção inferior da Forma-
ção Jandaíra (Cretáceo Superior, Bacia Potiguar). Os
vestígios arqueológicos compreendem fragmentos
cerâmicos, material lítico da fase da pedra polida e
registros rupestres. Dentre esses, destacam-se os re-
gistros rupestres pela abundância e variedade. Os ves-
tígios paleontológicos incluem restos de vertebrados
quaternários, principalmente mamíferos, ocorrentes nos
sedimentos clásticos que preenchem as ravinas, além
de fósseis relacionados à fauna marinha típica da For-
mação Jandaíra. A preservação do Lajedo é assegu-
rada pela Fundação Amigos do Lajedo de Soledade e
pelo envolvimento da comunidade local.

O texto completo com 10 páginas, fotos e ilustrações, pode ser lido em:

http://docs.google.com/viewer?a=v&q=cache:_gvzXbErqOMJ:ig.unb.br/sigep/sitio127/sitio127_impresso.pdf+Lajeado+de+soledade%2Bpinturas+rupestres&hl=pt-br&gl=br&pid=bl&srcid=ADGEESircO0P0Jv428NMPZu59JypZ7MEfpD6X5WdKLxFAhmiYN6DrM1uDMwkJ6dxvfQfwGf5CJnz3KkUrJVXEiA1_A4tEG06sE8XDnF46lj-wn7x0mYI2Evgb5Ud5i02W3l-63Hf0Ae4&sig=AHIEtbQ-ACMydnTs0DFe3ubPaEdbmKln6Q

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CARAL: LO QUE REVELA EL HALLAZGO ARQUEOLÓGICO PERUANO DEL 2016

Estudio revela cuál fue causante de muerte de aztecas en México

Descubren en Guatemala rastros de un primer colapso en la civilización Maya